This content is not available in your region

Guerra na Ucrânia debatida em festival de cinema em Genebra

euronews_icons_loading
Guerra na Ucrânia debatida em festival de cinema em Genebra
Direitos de autor  FIFDH, Geneva
De  Euronews

O Festival Internacional de Cinema e o Fórum de Direitos Humanos (FIFDH) celebra 20 anos de história e regressa, este ano, ao seu formato original após dois anos marcados por uma crise pandémica. Volta a ser presencial, a receber o calor do público.

A diretora executiva do festival explicava, à euronews, que são esperados 250 convidados e que esta edição englobará uma seleção de filmes de ficção, documentário, debates e encontros com personalidades como Chelsea Manning ou Ngozi Okonjo Iweala. 

Esta responsável acrescentava que todos os anos a escolha dos temas a tratar é difícil, e que alguns deles derivam dos filmes apresentados, outras vezes refletem a atualidade que remete para grandes filmes. Este ano, são esperados no festival Rithy Panh, Nabil Ayouch e o cineasta afegão Shahrbanoo Sadat.

A estrela do certame é a cantora americana Barbara Hendricks, que dará um concerto a dez de março.

A invasão russa à Ucrânia também não passa ao lado deste evento. Haverá um debate excecional sobre este drama da vida real. 

Isabelle Gattiker explicava que quando começou a ofensiva decidiram acrescentar uma noite de debate com figuras internacionais. Decorre a sete de março, às 20 horas. Ouvir-se-ão vozes em direto da Ucrânia, mas também personalidades com assento no Conselho dos Direitos Humanos das Nações Unidas, em Genebra. 

Acontecimentos que poderiam pôr em causa as celebrações do 20º aniversário do festival mas, mesmo em condições extremamente complexas, a vontade de seguir em frente é grande, referia.

O Festival Internacional de Cinema e o Fórum de Direitos Humanos, que decorre de quatro a 13 de Março em Genebra, na Suíça, arranca com Hit the Road, um filme que nos leva pelas estradas pouco conhecidas do Irão.