EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

O problema das redes de pesca fantasma

Em parceria com The European Commission
O problema das redes de pesca fantasma
Direitos de autor euronews
Direitos de autor euronews
De  Aurora Velez
Partilhe esta notícia
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As diferentes etapas para eliminar as redes de pesca perdidas no fundo do mar.

O projeto europeu Adrinet é um exemplo de cooperação no domínio da preservação dos ecossistemas marinhos no Mar Adriático. 

Cada país participante (Itália, Montenegro e Albânia) realizou ações para resolver o problema das redes de pesca "fantasma", as redes que estão perdidas no fundo do mar.

Uma das prioridades é identificar as zonas do fundo do mar onde se encontram as redes de pesca e analisar a que ritmo devem ser retiradas para não prejudicar o ecossistema.

"O problema das redes perdidas tem de ser abordado rapidamente, no momento em que a rede se perde e o microchip pode ajudar. A rede de pesca deve ser recuperada imediatamente porque se a rede ficar no mar durante anos, o ecossistema marinho da área pode desenvolver-se em torno dessa rede. E nesse caso, se retiramos as redes de pesca, pode ser problemático, porque obviamente há um novo equilíbrio, que seria destruído novamente. O que tem de ser feito, tal como no caso das contaminações, é agir ao nível da prevenção, da formação das pessoas, dos operadores e dos pescadores, porque as redes de pesca são plásticos dispersos tal como os sacos de plástico e as garrafas, mas ao contrário de objetos, devem ser removidos do fundo do mar rapidamente, logo que se perdem", explicou Elisabetta Bonerba, coordenadora do projeto europeu Adrinet.

Partilhe esta notícia

Notícias relacionadas

Projeto europeu transfronteiriço promove acesso a cuidados de saúde