Autoestrada europeia de dados no fundo do mar funciona sem parar

Em parceria com The European Commission
Autoestrada europeia de dados no fundo do mar funciona sem parar
Direitos de autor euronews
De  Aurora Velez
Partilhe esta notícia
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Giacomo Cuttone, do laboratório multidisciplinar IDMAR, na Sicília, explicou à Euronews como os dados recolhidos nas profundezas do Mar Mediterrâneo são partilhados por toda a Europa.

O IDMAR é um projeto financiado pela UE que envia nós esféricos subaquáticos para as profundezas do Mar Mediterrâneo para transmitir informações valiosas aos investigadores em tempo real.

Giacomo Cuttone, coordenador científico do laboratório multidisciplinar IDMAR, conta-nos mais pormenores.

"O que criámos é uma infraestrutura com fios, um laboratório que fornece dados 24 horas por dia, 365 dias por ano. Por dia, recebemos mais ou menos o equivalente a 100 filmes que podem ser descarregados por uma pessoa em sua casa por dia. Portanto, imaginem uma quantidade enorme de dados", explica.

A ciência "não quer saber" da política

"Distribuímo-los e armazenamo-los em dois grandes centros informáticos: um em Bolonha, Itália, e outro em Lyon, França. Isto permite algo que é um ponto fundamental para investir na ciência, que são os dados abertos e a ciência aberta", acrescenta Cuttone.

"Os dados e a ciência são abertos. Não estão preocupados com países, guerras ou divisões porque a ciência é o único campo onde encontramos sempre uma grande união", conclui.

Partilhe esta notícia

Notícias relacionadas

Maior telescópio submarino da Europa revela o que realmente se passa no mar... e no universo

O setor da construção pode ser amigo do ambiente?

O que é que aprendemos sobre as doenças infecciosas com as pandemias anteriores?