This content is not available in your region

Guia Michelin chega ao Dubai

euronews_icons_loading
Guia Michelin chega ao Dubai
Direitos de autor  euronews   -   Credit: Dubai
De  Stella Hedley Hymers

Está a ser feita história no Dubai, este ano, com o lançamento do primeiro Guia Michelin do Emirado. Nunca houve melhor altura para jantar no emirado, famoso por reunir a comida de mais de 200 nacionalidades residentes.

Diz Gwendal Poullennec, diretor do Guia Michelin, diz: "Em qualquer parte do mundo, as estrelas Michelin são atribuídas pelos nossos famosos inspetores anónimos, seguindo os cinco critérios universais: a qualidade do produto; o domínio das técnicas culinárias; a harmonia e o equilíbrio no sabor; a personalidade expressa no prato, e, por último, a consistência ao longo do tempo e ao longo do menu como um todo. Não há dúvida de que a competição positiva que estamos a acender com esta primeira seleção vai elevar a fasquia para os próximos anos".

A competição positiva que estamos a acender com esta primeira seleção vai elevar a fasquia para os próximos anos
Gwendal Poullennec
Diretor do Guia Michelin

Nove restaurantes, incluindo os muito elogiados Ossiano e Trèsind Studio, estiveram entre os que ganharam uma estrela. Mas os restaurantes com maior pontuação a ganhar duas estrelas foram Il Ristorante , de Niko Romito e Stay, por Yannick Alléno.

Stay
"Fuseau" de trufas negras, uma das especialidades do StayStay

"Crescemos 30% em termos de clientes, com isto. É fantástico. Portanto, o mundo sabe que é o melhor da cidade. Tenho muito orgulho em ser um dos primeiros chefs a vir aqui propor um destino gourmet. É muito importante para a cidade porque significa que o mercado está maduro. Há tantos restaurantes com qualidade muito elevada. Foi por isso que Michelin veio e disse que estamos prontos para estar na seleção mundial. A diversidade da comida, de facto, é única no mundo. Quando se vê a diversidade que se tem na cidade, é uma loucura. Há europeus, árabes, asiáticos, indianos, tudo! É fantástico. É uma espécie de fogo-de-artifício de comida", diz o reconhecido chef francês Yannick Alléno.

Tendo ganho uma estrela Michelin, Trèsind Studio tem agora como missão ganhar outra: "É fantástico ter ganho a minha primeira estrela Michelin. Penso que vai motivar o pessoal. Há pressão para reter uma e há motivação para ir às duas estrelas. Portanto, penso que na cozinha, isto vai ajudar-nos muito a ver onde estamos neste momento e até onde podemos ir no próximo ano. Há alguns pratos incríveis no meu menu. Aquele de que me orgulho mais chama-se Sadya, que tem o nome de uma cerimónia em Kerala. Nesta cerimónia, as pessoas sentam-se no chão, têm uma folha de banana à sua frente e a refeição inteira é servida nesta folha, uma a uma, do poppadom ao caril com arroz; até a sobremesa é servida na mesma folha. Estou realmente orgulhoso deste prato porque tentamos evocar a mesma emoção, os mesmos momentos nostálgicos da cerimónia", diz Himanshu Saini, proprietário do restaurante.

Embora o Dubai tenha uma riqueza de boas opções gastronómicas, este humilde restaurante do porto fez nome na cena alimentar da cidade. O 3Fils conseguiu o primeiro lugar na lista de 50 Melhores Restaurantes do Médio Oriente e do Norte de África. Classificou os restaurantes vencedores por ordem do número de votos recebidos de um painel de juízes anónimos. Com os pratos mais vendidos, como as vieiras de Hokkaido, os rolinhos de sushi Dragon e o Wagyu Overload Burger a custar entre 10 e 20 euros, o 3Fils oferece um jantar premiado acessível num dos melhores cenários do Dubai.

Time Out Market

Para provar todo um mundo de sabores sob o mesmo tecto, dirija-se ao ao Time Out Market Dubai. Aqui, os foodies juntam-se para provar uma série de best-sellers de diferentes vendedores caseiros. As concessões incluem a Pitfire Pizza, ao estilo americano. A mais recente adição, The Truff Daddy, é uma pizza de crosta queimada com azeite e pasta de trufa negra, queijos pecorino e parmesão derretidos, cogumelos, cebolas caramelizadas, um remoinho de óleo de trufa branca e um fio de creme de trufa negra.

"Quando tenho convidados de fora da cidade, é o melhor para ter toda a comida local num só lugar. Qualquer tipo de cozinha que se queira pode ser encontrado aqui. Estou sempre a encontrar novos pratos favoritos. Quem me conhece, sabe que adoro as tranças de alho da Pitfire Pizza. Sou um cliente de longa data. Aqui, recebo-os frescos", diz a blogger Courtney Brandt.

Na casa portuguesa Lana Lusa, os comensais podem provar a francesinha, uma sanduíche de proporções épicas, típica do Porto, feita com camadas de queijo e bife. O fiambre e a linguiça de porco foram aqui substituídos por produtos semelhantes de vaca.  A cobrir, tem ainda mais queijo, molho picante e um ovo estrlado. E não saia daqui sem levar pastéis de nata. Os clássicos bolos portugueses vendem-se aqui como pãezinhos quentes.