Vídeo

euronews_icons_loading
Mesquita Siddiquiya, em Cabul, onde ocorreu a explosão que matou mais de 20 pessoas e deixou dezenas feridas