EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Violência no futebol não tem fronteiras

Violência no futebol não tem fronteiras
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Adeptos do Atlas de Guadalajara reagem com violência à eliminação nos quartos-de-final do campeonato mexicano, em casa, frente ao Monterrey.

PUBLICIDADE

Vinte e três feridos, 20 dos quais agentes de polícia, e três detenções. É o balanço do mais recente episódio de violência no futebol, em Guadalajara, no México.

Na origem da injustificável fúria dos adeptos esteve a eliminação do Atlas nos quartos-de-final do campeonato mexicano depois de perder em casa por 2-0 frente ao Monterrey.

Os adeptos da equipa de Guadalajara esperavam festejar a passagem às meias-finais depois de terem vencido por 1-0 no terreno do seu adversário no encontro da primeira mão mas os seus planos saíram furados.

De acordo com algumas testemunhas, o aparato policial era manifestamente insuficiente para o número de adeptos presentes no Estádio Jalisco.

Apesar de tudo, a ação da polícia permitiu a saída dos adeptos da equipa visitante, que irá agora defrontar o Club América.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alemanha prepara-se para "todas as ameaças possíveis" durante o Euro 2024

Real Madrid anuncia a contratação de Kylian Mbappé

Real Madrid é campeão antecipado da LaLiga