A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

EUA acreditam que Irão atacou posições do EIIL no Iraque

EUA acreditam que Irão atacou posições do EIIL no Iraque
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Pentágono acredita que o Irão fez ataques aéreos contra posições do grupo radical Estado Islâmico (EIIL), isto apesar do desmentido das autoridades de Teerão.

Mesmo se o Irão não faz parte da coligação internacional de países que luta contra os radicais na Síria e no Iraque, esta é, provavelmente, a primeira vez que o país e o Ocidente têm um inimigo comum declarado.

“A aviação iraniana fez ataques, nos últimos sete dias, contra vários alvos do dito Estado Islâmico, no leste do Iraque”, disse o porta-voz do Pentágono, John Kirby.

Segundo os Estados Unidos, o Irão usou aviões Phantom F-4. Teerão garante que a política não mudou: “Não houve mudança. A República Islâmica do Irão continua a prestar assistência, sobretudo aconselhamento, no quadro da lei internacional e não houve mudança a esse respeito”, disse a porta-voz do ministério iraniano dos Negócios Estrangeiros, Marzieh Afkhan.

Alguns líderes militares iranianos reconhecem que há várias dezenas de soldados do país a lutar ao lado das forças iranianas. O governo de Bagdade reconhece também que recebe armamento de Teerão e vê com bons olhos uma eventual participação do Irão nos ataques aéreos.