EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Yahima Ramirez alcança quinto lugar no Grand Slam de Tóquio

Yahima Ramirez alcança quinto lugar no Grand Slam de Tóquio
Direitos de autor 
De  Bruno Sousa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Yahima Ramirez terminou Grand Slam de Tóquio na quinta posição, Célio Dias e Jorge Fonseca foram eliminados ao primeiro combate.

PUBLICIDADE

O quinto lugar de Yahima Ramirez foi o grande destaque entre os judocas nacionais no último dia do Grand Slam de Tóquio. A portuguesa entrou a vencer frente a Viktoriia Turks mas não encontro argumentos para levar de vencida Ruika Sato. A japonesa acabaria por chegar à final.

Após a repescagem, Yahima Ramirez voltou a vencer, frente a Anastasiya Dmitrieva e só Shori Hamada a impediu de conquistar a medalha de prata.

O triunfo nos -78 kg sorriu à campeã olímpica em título, a norte-americana Kayla Harrison.

Os restantes judocas portugueses em ação no último dia foram ambos eliminados à primeira. Célio Dias foi derrotado por Guillaume Elmont nos -90 kg, nos -100 kg Jorge Fonseca conheceu o mesmo destino que o compatriota ao ser derrotado por Jonghoon Won.

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)0; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = “//connect.facebook.net/en_GB/all.js#xfbml=1”; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));Post by Yahima Ramirez.

Dia negro para os japoneses

Apesar de contarem com o apoio dos adeptos, os judocas japoneses não tiveram propriamente motivos para sorrir no último dia. O único triunfo nipónico registou-se nos +78 kg, mas também era uma final entre duas japonesas.

Nami Inamori, que já tinha deixado pelo caminho a líder do ranking mundial Idalys Ortiz, venceu por ippon Sarah Asahina no combate decisivo.

Nos homens, Dong Han Gwak deu sequência ao excelente momento de forma nos -90 kg e uma semana depois de conquistar o Grand Prémio de Jeju voltou a subir ao lugar mais alto do pódio em Tóquio. O sul-coreano levou de vencida o japonês Daiki Nishiyama na final.

Nos -100 kg o triunfo também sorriu a um sul-coreano. Gu-Ham Cho conquistou a medalha de ouro ao surpreender o favorito Cyrille Maret.

Finalmente, nos +100 kg, Renat Saidov fechou o ano com uma vitória. O russo, medalha de bronze nos Campeonatos do Mundo de Cheliabinsk, impôs-se por ippon ao georgiano Levani Matiashvili.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Brasil de ouro e Portugal de bronze no fecho do Grand Slam de judo de Tóquio

Brasil de prata e Portugal com entrada fria no Grand Slam de judo em Tóquio

Terceiro título mundial para Grigalashvili e surpresa em -63 quilos