Kosovo: investidura de novo primeiro-ministro põe fim a seis meses de crise

Kosovo: investidura de novo primeiro-ministro põe fim a seis meses de crise
De  Rodrigo Barbosa com AFP / LUSA
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

O Kosovo pôs fim a seis meses de crise política, a pior desde a independência, com a investidura do ex-líder da oposição Isa Mustafa. O novo

PUBLICIDADE

O Kosovo pôs fim a seis meses de crise política, a pior desde a independência, com a investidura do ex-líder da oposição Isa Mustafa. O novo primeiro-ministro lidera uma inesperada coligação entre os dois principais partidos, até então rivais, a Liga Democrática do Kosovo e o Partido Democrático do anterior chefe do governo, Hashim Thaçi, que passa a ser o “número dois” do executivo e será o candidato da aliança nas próximas presidenciais, o que lhe garante a chefia do Estado em 2016.

Quanto a Mustafa, o futuro adivinha-se árduo. O primeiro-ministro terá de combater a corrupção endémica e tentar recuperar a economia de um dos países mais pobres da Europa, onde o desemprego afeta cerca de 40 por cento da população ativa.

O chefe do governo terá também de dar seguimento ao diálogo com a Sérvia, que continua a não reconhecer a independência do Kosovo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Censos no Kosovo abrem polémica por incluírem perguntas sobre danos de guerra

Milhares de sérvios do Kosovo protestam contra decisão de abolir o dinar

UE preocupada com proibição de moeda sérvia no Kosovo