Última hora
This content is not available in your region

Quatro suspeitos em tribunal por ligação ao terrorista Coulibaly

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Quatro suspeitos em tribunal por ligação ao terrorista Coulibaly
Tamanho do texto Aa Aa

Quatro homens, 28 a 22 anos de idade, foram apresentados esta terça-feira diante de um tribunal antiterrorista francês, suspeitos de ter dado apoio em armas e logística a Amedy Coulibaly, autor do massacre no supermercado kosher de Vincennes e do assassinato de Clarissa Jean-Philippe, agente da polícia municipal.

Os quatro homens fazem parte de um grupo de nove que tinham sido detidos durante a rusga policial da passada quinta-feira no círculo de relações de Coulibaly.

Entretanto, o presidente da câmara de Nova Iorque, Bill de Blasio, deslocou-se esta terça-feira a Paris, para render homenagem às vítimas dos atentados. O político norte-americano depositou uma coroa de flores na sede do jornal Charlie Hebdo, onde os irmãos Kouachi mataram doze pessoas, e no supermercado de Vincennes, onde Amedy Coulibaly assassinou quatro pessoas.

O funeral da jovem agente policial Clarissa Jean-Philippe, abatida por Coulibaly em Montrouge, teve lugar na segunda-feira em Sainte-Marie, Martinica, num ambiente de muita emoção e tristeza.
Uma cerimónia religiosa que contou com a presença do arcebispo da Martinica e reuniu cerca de duas mil pessoas.