Última hora
This content is not available in your region

Reino Unido no "trilho" da campanha para legislativas incertas

Reino Unido no "trilho" da campanha para legislativas incertas
Tamanho do texto Aa Aa

O Reino Unido “segue o trilho” das eleições legislativas de 7 de maio.

Num ato de campanha, o primeiro-ministro David Cameron conduziu um comboio na cidade de Derby, como para mostrar que o país está “bem encaminhado” e que os conservadores pretendem manter-se nos comandos.

Uma sondagem publicada esta quinta-feira traz boas notícias, tanto para Cameron, como para o principal rival, o líder trabalhista Ed Miliband. O estudo indica que os dois principais partidos arrecadam 70 por cento das intenções de voto, pela primeira vez desde dezembro de 2013, contrariando a popularidade crescente dos pequenos partidos e formações nacionalistas.

O líder do eurocético UKIP, Nigel Farage, lançou a campanha com a promessa de que não participará numa coligação governamental, caso o escrutínio não permita designar um claro vencedor.

As sondagens semeiam a consulta de maio na incerteza, já que nenhum partido é apontado como capaz de conquistar a maioria suficiente para governar sozinho.