EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Está no ar o primeiro voo à Volta do mundo sem recurso a combustível

Está no ar o primeiro voo à Volta do mundo sem recurso a combustível
Direitos de autor 
De  Francisco Marques com LUSA, PROJETO SOLAR IMPULSE
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Projeto suíço Solar Impulse 2 descolcou esta segunda-feira de Abu dhabi, onde espera aterrar dentro de cinco meses. A primeira escala é em Omã

PUBLICIDADE

Descolou de Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos, o avião Solar Impulse 2 (SI2) rumo a… Abu Dhabi. O voo pretende ser o primeiro de um avião à volta do mundo sem recurso a combustível. O aparelho é movido a energia solar, pretende promover o uso de energias limpas e tem pela frente uma aventura de cinco meses com 12 escalas previstas, a primeira em Mascate, capital de Omã, 10 horas após a descolagem do aeroporto Al-Bateen, em Abu Dhabi.

Aos comandos do SI2, nesta primeira etapa, está o suíço André Borschberg, que em Mascate cederá o único lugar do cockpit do avião ao compatriota Bertrand Piccard. Os dois são os responsáveis por este projeto que culmina 13 anos de investigação e pesquisa aeronáutica. “Acho que estamos ambos em estado de excitação.É especial. Mas não é só excitação. É também concentração e simples felicidade”, afirmou Borschberg antes da partida.

From Mission Control Center in #Monaco the engineers are helping me to perform Oxygen Mask tests from #SolarImpulsepic.twitter.com/4xcwEgmIti

— André Borschberg (@andreborschberg) 9 março 2015

Depois de uma primeira descolagem prevista para sábado ter sido adiada devido a fortes ventos na região, eram 07 horas e 12 minutos da manhã desta segunda-feira, em Abu Dhabi (03h12, em Lisboa), quando o SI2 levantou voo. À distância, o voo está a ser controlada desde o Principado do Mónaco, onde esteve presente o Príncipe Alberto, para assistir ao início desta viagem em muito parecida àquela ficcionada pelo escritor Júlio Verne para Willy Fog.

O nobre inglês aceitou uma aposta de dar a volta ao mundo em 80 dias e uma boa parte da aventura é passada a bordo de um balão de ar quente. Aqui, não há qualquer tipo de combustão. É apenas o recurso a energia solar.

#GvtMonaco souhaite bonne chance à toute l'équipe de solarimpulse</a> pour le lancement du <a href="https://twitter.com/hashtag/TourDuMonde?src=hash">#TourDuMonde</a> à <a href="https://twitter.com/hashtag/AbouDhabi?src=hash">#AbouDhabi</a> <a href="http://t.co/hUbw9poyFE">pic.twitter.com/hUbw9poyFE</a></p>&mdash; Gouvernement Monaco (GvtMonaco) 9 março 2015

O SI2 é alimentado por mais de 17 mil células solares embutidas nas asas, que medem 72 metros. Os “membros alados” do SI2 são mais amplas do que as de um Boeing 747 e quase tão longas quanto as de um Airbus 380. O aparelho foi concebido em fibra de carbono e, por isso, pesa cerca 2,4 toneladas, pouco mais de um por cento do que os dois referidos aparelhos da aviação comercial.

.andreborschberg</a> leaves UAE airspace. <a href="https://twitter.com/bertrandpiccard">bertrandpiccard will enter it with #Si2 in several months, having flown #RTW! pic.twitter.com/5eXvOOoAuN

— SOLAR IMPULSE (@solarimpulse) 9 março 2015

A viagem irá prolongar-se na totalidade por cerca de 35 mil quilómetros, com escalas previstas na Índia, em Birmânia, na China e nos Estados Unidos, incluindo, claro, o cruzamento intercontinental do Pacífico e do Atlântico, em etapas previstas de cerca de seis dias ininterruptos sem troca de pilotos.

Toda a viagem do solar Impulse 2 pode ser seguida pela internet, em tempo real, através do endereço solarimpulse.com.

#LIVEandreborschberg</a> flying in <a href="https://twitter.com/hashtag/Si2?src=hash">#Si2</a>: follow him at <a href="http://t.co/JIj9tHK6hl">http://t.co/JIj9tHK6hl</a> <a href="http://t.co/P2euvT5Lfl">pic.twitter.com/P2euvT5Lfl</a></p>&mdash; SOLAR IMPULSE (solarimpulse) 9 março 2015

Have a safe flight andreborschberg</a>. I will wait for you in <a href="https://twitter.com/hashtag/Oman?src=hash">#Oman</a>! <a href="http://t.co/ovOxHEBosp">pic.twitter.com/ovOxHEBosp</a></p>&mdash; Bertrand PICCARD (bertrandpiccard) 9 março 2015

Saber mais sobre este projeto

O primeiro voo do projeto Solar Impulse

A primeira viagem intercontinental

Dois meses a sobrevoar os Estados Unidos sem combustível

Primeiro voo do Solar Impulse 2

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O avião solar está no ar

A companhia aérea Emirates vai expandir a sua rede com centenas de novos aviões

Programa da NVIDIA apoia 4500 empresas europeias em fase de arranque