This content is not available in your region

Repressão violenta na Birmânia

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira  com Reuters
Repressão violenta na Birmânia

Vários estudantes ficaram feridos quando a polícia reprimiu uma manifestação a cerca de 140 quilómetros de Rangum, capital da Birmânia.

Ao fim de uma semana de protestos, a polícia pôs fim ao braço-de-ferro que opunha os cerca de 200 manifestantes e as forças de segurança.

Os estudantes protestam contra uma lei que, segundo eles, acaba com a independência das universidades.

Os jovens tinham iniciado uma marcha em Mandalay, no centro do país, e tinham a intenção de marchar até à capital, mas foram parados pela polícia na localidade de Letpadan.

Na sexta-feira, a polícia tinha já prendido cinco estudantes nesta vila.

Tanto a União Europeia como os Estados Unidos condenaram a repressão policial desta manifestação, que estava a ser pacífica.