Nuclear: Esperado acordo de princípio até à meia-noite de terça-feira

Nuclear: Esperado acordo de princípio até à meia-noite de terça-feira
De  Fernando Peneda com Lusa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Ainda sem um acordo definitivo entre o Irão e as grandes potências estrangeiras, continuam em Lausana, na Suíça, as negociações onde se pretende que

PUBLICIDADE

Ainda sem um acordo definitivo entre o Irão e as grandes potências estrangeiras, continuam em Lausana, na Suíça, as negociações onde se pretende que o Irão aceda em desacelerar o desenvolvimento do seu programa nuclear e permita inspeções às instalações nucleares no país.

O objetivo das negociações é acordar linhas gerais para um acordo definitivo até terça-feira à meia-noite, e, até 30 de junho, concluir os anexos com os pormenores técnicos mais complicados.

As partes envolvidas nas negociações manifestaram-se otimistas sobre um acordo que ponha fim a 12 anos de tensão.

“É altura de ser tomada uma decisão. Temos esperança que antes do fim do prazo limite consigamos um acordo sobre matérias fundamentais”, disse Alan Eyre, porta-voz do Departamento de Estado dos EUA.

O ministro dos Negócios Estrangeiros britânico foi bem objetivo nas suas declarações.

“É do interesse de todos que o acordo seja alcançado, mas tem de ser um acordo que ponha a bomba fora do alcance do Irão. Não pode haver qualquer compromisso sobre isso”, afirmou Philip Hammond.

Nos Estados Unidos, o presidente da Câmara dos Representantes, ameaçou pedir mais sanções, se não se chegar a um acordo, enquanto o ministro dos Negócios Estrangeiros alemão advertiu para a possibilidade de começar um novo conflito regional no Médio Oriente caso as negociações falhem.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cinco dos seis alpinistas desaparecidos nos Alpes da Suiça foram encontrados mortos

Temperaturas do Lago Léman sobem para níveis recorde

Apoio à Ucrânia em foco no segundo dia do Fórum Mundial Económico