EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

EI tenta consolidar posições em Ramadi antes da "batalha de Anbar"

EI tenta consolidar posições em Ramadi antes da "batalha de Anbar"
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

O exército iraquiano prepara-se para a “batalha de Anbar”, dias depois de sofrer uma nova derrota contra o grupo Estado Islâmico(EI) na província

PUBLICIDADE

O exército iraquiano prepara-se para a “batalha de Anbar”, dias depois de sofrer uma nova derrota contra o grupo Estado Islâmico(EI) na província sunita e num momento em que os combatentes islamitas controlam, desde o fim de semana, a cidade de Ramadi.

Mais de 40 mil pessoas já abandonaram a localidade, de onde o grupo armado tenta consolidar posições, depois de um ataque surpresa fracassado durante a noite contra o exército e as milícias xiitas que preparam uma contra-ofensiva, a leste da cidade.

Para um responsável do exército iraquiano, “as milícias xiitas têm experiência e conhecem bem o terreno e estão a coordenar esforços com o exército iraquiano para neutralizar o grupo Estado Islâmico. Esta experiência em guerra urbana, em conjunto com os conhecimentos dos militares e polícias iraquianos, é decisiva para derrotar o grupo armado, em especial em Ramadi”.

Mas, a derrota do exército iraquiano e da campanha de bombardeamentos norte-americana, poderia obrigar a coligação internacional a mudar de estratégia em Ramadi.

O presidente norte-americano Barack Obama sugeriu ontem a possibilidade de formar e armar as tribos sunitas locais, quando o protagonismo no terreno das milícias xiitas – apoiadas pelo Irão – ameaça aprofundar a fratura entre as duas comunidades.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

EUA e milícias xiitas apoiam forças iraquianas na reconquista de Ramadi

De Mossul a Palmira: A guerra declarada à História

União Europeia condena lei do Iraque que criminaliza homossexualidade