EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Áustria e Alemanha continuam a receber milhares de migrantes

Áustria e Alemanha continuam a receber milhares de migrantes
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Continuam a chegar à Áustria milhares de migrantes. A receção é feita em Nickelsdorf, na fronteira com a Hungria, uma parte, ainda que pequena segue

PUBLICIDADE

Continuam a chegar à Áustria milhares de migrantes. A receção é feita em Nickelsdorf, na fronteira com a Hungria, uma parte, ainda que pequena segue para um centro de acolhimento, instalado no local, pessoas que talvez permaneçam no país, a maioria parte para a estação de comboios para seguir viagem para Viena de Áustria e depois para a Alemanha.

help needed in #nickelsdorf, everybody who is available please come and assist. pic.twitter.com/RXx2xo9cTu

— S (@flyinthrutheair) septiembre 6, 2015

#Nickelsdorf 1989, 2015 • Fotos: roteskreuzat</a>, <a href="https://twitter.com/martinkaul">martinkaulpic.twitter.com/cr8Umxp3JS

— Matthias Meisner (@MatthiasMeisner) septiembre 5, 2015

Segundo a agência de notícias espanhola EFE, citando a austríaca APA, este sábado partiram da Áustria 11 mil refugiados para Munique e este domingo mais de dois mil seguiram já o mesmo caminho.

THIS is how you raise a happy,open-minded child who cares about others; how you raise an upstanding citizen #Munchenpic.twitter.com/h3NScc4c0d

— Silvia d'Ovidio (@__Lambda) septiembre 5, 2015

Para já as autoridades alemãs estão a receber os migrantes mas esperam que a União Europeia encontre soluções rapidamente.

Policía alemana y niño sirio en la estación de trenes de #Múnichpic.twitter.com/njBt8Uu3St

— Idafe Martín Pérez (@IdafeMartin) septiembre 5, 2015

Na Hungria a situação está mais calma. Este sábado houve pessoas que partiram a pé para a Áustria:

“Queremos um comboio ou um autocarro, não há nada. Estamos muito cansados mas é melhor andar do que ficar sentado”, adianta um destes migrantes.

Segundo o Sunday Times, a Grã-Bretanha deverá anunciar, brevemente, disponibilidade para acolher 15 mil sírios.

Mas, paralelamente, a estas ações isoladas, espera-se que a União Europeia encontre soluções para o problema dos milhares de refugiados que procuram na Europa o “El Dourado”.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Papa Francisco pede à comunidade católica para acolher migrantes

Alemanha: Onda de refugiados aviva ódio neonazi

União Europeia procura soluções para a onda de migração