Última hora

Polacos manifestam-se contra os migrantes

Polacos manifestam-se contra os migrantes
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas manifestaram-se no sábado por toda a Polónia em encontros organizados por grupos de extrema-direita.

Em Katowice, cerca de 3000 mil pessoas gritaram palavras de ordem contra os estrangeiros.

Em Varsóvia as cenas repetiam-se com milhares de pessoas a descerem às ruas.

Os manifestantes insurgiram-se contra a decisão da primeira-ministra Ewa Kopacz de se juntar a outros países europeus no fornecimento de auxílio financeiro aos refugiados.

A alta funcionária aceitou ainda receber 7 mil refugiados em 2016 e 2017.

Em paralelo, uma iniciativa na qual participou a primeira-ministra e diplomatas de outros países da União Europeia teve como objetivo limpar as frases e pinturas xenófobas que se encontram espalhadas pelas paredes da capital.

De recordar que estão previstas eleições legislativas na Polónia no final de outubro.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.