EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Legislativas 2015: Cavaco Silva apela ao voto "mesmo com chuva e futebol"

Legislativas 2015: Cavaco Silva apela ao voto "mesmo com chuva e futebol"
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Presidente da República pediu aos portugueses que votem mesmo com chuva e futebol. Na habitual mensagem deixada em vésperas de eleições, Cavaco

PUBLICIDADE

O Presidente da República pediu aos portugueses que votem mesmo com chuva e futebol. Na habitual mensagem deixada em vésperas de eleições, Cavaco Silva apelou ao voto.
Recorde-se que em setembro, o Presidente da República admitiu ter ficado “surpreendido por ter sido quebrada a tradição de não ocorrerem jogos de futebol em dia de eleições”.

Este sábado, Cavaco lembrou que “entre afazeres profissionais, compromissos, assistir a jogos de futebol ou outras atividades desportivas e de lazer, não deixem de incluir a deslocação à secção de voto entre as oito da manhã e as sete da tarde.”

Recorde-se que os últimos atos eleitorais foram marcados pelos elevados números da abstenção. Nas legislativas de 2011, 41,9% dos eleitores não foi votar e nas presidenciais do mesmo ano, a abstenção bateu o recorde de 53,37%.

O Presidente da República disse ainda que “a abstenção não é solução. Abster-se de votar é desistir do presente e abdicar do futuro”.

Recorde-se então, que as assembleias de voto abrem às 8 horas e encerram às 19h, no continente e Madeira, nos Açores abrem uma hora mais tarde e encerram uma hora mais tarde devido à diferença horária (-1h). As primeiras sondagens são anunciadas às 20h, hora continental.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Abstenção e desconhecimento sobre a UE serão teste às eleições europeias em Portugal

Novo aeroporto em Alcochete vai chamar-se Luís de Camões e Alta Velocidade está a caminho

Chega acusa Presidente da República de "traição à pátria, coação e usurpação"