Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Turquia devolve cadáver de piloto a Moscovo

Turquia devolve cadáver de piloto a Moscovo
Tamanho do texto Aa Aa

A Turquia tenta acalmar a tensão com a Rússia ao entregar a Moscovo o corpo do piloto do caça abatido há cinco dias.

O primeiro-ministro turco afirmou ter recebido o cadáver esta noite, que entretanto já foi entregue a um responsável diplomático russo em Hatay, de onde seguiu para Ancara.

Ahmet Davutoglu classificou a decisão de Moscovo de aplicar sanções ao país como “inaceitável”, admitindo a necessidade de manter os contactos com o Kremlin.

“Uma das nossas prioridades é a de manter a coordenação com a Rússia relativa às operações na Síria. Este incidente mostrou que este tipo de situações pode repetir-se quando coligações diferentes operam no mesmo espaço”.

A Rússia que tinha acusado Ancara de abater o aparelho dentro do espaço aéreo sírio, continua a defender as represálias, aprovadas ontem por Vladimir Putin, contra os trabalhadores e empresas turcas.

Para o porta-voz do presidente, Dmitry Peskov,

“O presidente continua inteiramente mobilizado à altura das circunstâncias sem precedentes. A provocação face à Rússia não tem precedentes e é natural que o presidente reaja à altura dos acontecimentos”, afirmou Peskov.

A tensão criada pela queda do aparelho russo tinha já levado Moscovo a apelar aos seus turistas a não viajarem à Turquia.

As novas medidas deverão afetar não só o setor, bem como mais de 90 mil turcos atualmente a residir na Rússia.