Última hora

Alemanha avisa que ações unilaterais vão ter consequências

Alemanha avisa que ações unilaterais vão ter consequências
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Alemanha deve a endurecer as regras de asilo para fazer face ao aumento do número de refugiados.

Pelo menos é o que defende o ministro do Interior, cinco meses depois do governo alemão ter limitado as condições de acolhimento e aprovado a redução dos apoios sociais.

“Vamos continuar a trabalhar para acabar com a crise de refugiados na Europa, enquanto este caminho nos permitir reduzir o número de refugiados. Mas não vamos permitir que ações unilaterais tomadas por alguns países prejudiquem a Alemanha. Esta situação é inaceitável e vai ter consequências a longo prazo” afirma Thomas de Maiziere.

Uma mensagem enviada a partir da Câmara Baixa do Parlamento alemão para países como a Áustria.

Só em 2015, a Alemanha acolheu mais de um milhão de refugiados.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.