EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Líbano anuncia reabertura de lixeira contestada

Líbano anuncia reabertura de lixeira contestada
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Líbano vai reabrir temporariamente a maior lixeira do país. O anúncio foi feito na sequência da manifestação que reuniu milhares de pessoas, em

PUBLICIDADE

O Líbano vai reabrir temporariamente a maior lixeira do país. O anúncio foi feito na sequência da manifestação que reuniu milhares de pessoas, em Beirute, sob a ameaça de uma paralização nacional, a partir de segunda-feira, se o governo não resolver a crise do lixo que se arrasta há oito meses. O encerramento da lixeira de Naamé, a sul da capital libanesa, e a acumulação de detritos ao ar livre deu a origem a um movimento de protesto generalizado contra a corrupção e a inação do governo.

Uma manifestante afirma que quer “dizer ao ‘lixo’ que se encontra no governo que os protestos vão continuar até que eles se demitam”.

O plano anunciado pelo executivo prevê a reativação, por dois meses, das instalações de Naamé e a abertura de dois outros locais nos subúrbios de Beirute para processar todo o lixo acumulado nas ruas.

A lixeira de Naamé, aberta nos anos 90, é no entanto contestada por não respeitar o meio ambiente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

ONU abre investigação a explosão que feriu quatro funcionários no Líbano

Borrell no Líbano: "Este conflito é a última coisa de que o país precisa"

France Press acusa Israel de atacar deliberadamente jornalistas