EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

BTT, Cape Epic 2016: Henrique Avancini em 4.° e Tiago Ferreira em 5.°

BTT, Cape Epic 2016: Henrique Avancini em 4.° e Tiago Ferreira em 5.°
Direitos de autor 
De  Francisco Marques
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O brasileiro Henrique Avancini, a fazer dupla com o alemão Manuel Fumic (Cannondale Factory Racing), e o português Tiago Ferreira, em equipa com o

PUBLICIDADE

O brasileiro Henrique Avancini, a fazer dupla com o alemão Manuel Fumic (Cannondale Factory Racing), e o português Tiago Ferreira, em equipa com o grego Periklis Illas (Dolomit Superbike), estiveram em destaque este fim de semana, ao vencerem, respetivamente a última (twit em rodapé) e a penúltima etapas da clássica sul-africana deste ano do ciclismo de montanha internacional, a Epic Cape 2016.

A equipa de Avancini viria a terminar em 4.° lugar da tabela geral, com a dupla do campeão nacional de maratonas, Tiago Ferreira, logo em 5.°, respetivamente a 25 e 39 minutos dos vencedores.

Karl Platt claims fifth Absa CapeEpic</a> crown <a href="https://twitter.com/hashtag/8DaysOfCourage?src=hash">#8DaysOfCourage</a> > <a href="https://t.co/Wg2730cmQy">https://t.co/Wg2730cmQy</a> <a href="https://t.co/7JGjpjsQ6D">pic.twitter.com/7JGjpjsQ6D</a></p>&mdash; Bike Hub (bikehubber) 21 de março de 2016

O triunfo final coube aos Bulls, a equipa do alemão Karl Platt (vencedor pela quinta vez) e do suíço Urs Huber., com o tempo de 28h13m28,4s.. Em 2.° ficaram os Centurion Vaude by Meerendal 2, do suíço Nicola Rohrbach e do alemão Matthias Pfrommer.

Entre as senhoras, o triunfo na edição deste ano da Epic Cape coube às Spur-Specialized, da dinamarquesa Annika Langvad e da suíça Ariane Kleinhans, cumprindo as oito etapas da prova em 33h30m48,0s. Terceiro triunfo consecutivo da dupla Langvad-Kleinhans, de 31 e 32 anos respetivamente.

History written at CapeEpic</a> | <a href="https://twitter.com/AnnikaLangvad">AnnikaLangvadArianeKleinhans</a> wins 3rd consecutive title | <a href="https://t.co/DdRIguwZLc">https://t.co/DdRIguwZLc</a> <a href="https://t.co/bVCWjzGvUF">pic.twitter.com/bVCWjzGvUF</a></p>&mdash; Specialized (iamspecialized) 20 de março de 2016

Em 2.°, ficaram as Sport for Good, da ucraniana Yana Belomoina e da alemã Sabine Spitz, e em terceiro as Topeak Ergon, da inglesa Sally Bigham e da alemã Adel Morath.

[ Confira aqui os resultados finais da edição deste ano da Epic Cape, em BTT ]

A Epic Cape é uma prova única no calendário internacional e reconhecida como tal pela União Ciclista Internacional (UCI). Os vencedores dos quatros masculinos e femininos recebem 320 pontos para o “ranking” da UCI (160 por ciclista), o que representa individualmente mais de metade dos 300 averbados ao vencedor de um Mundial de BTT. > Well done to Team Land Rover and CapeEpic</a> participants for completing <a href="https://twitter.com/hashtag/8DaysofCourage?src=hash">#8DaysofCourage</a>!<a href="https://t.co/IUHTmNAW1p">https://t.co/IUHTmNAW1p</a></p>&mdash; Land Rover SA (LandRoverZA) 20 de março de 2016

Com um percurso renovado para cada edição, este ano a Epic Cape estendeu-se por mais de 650 quilómetros, com partida e chegada à região vinícola de Meerendal, e incluindo trilhos onde apenas uma bicicleta tinha espaço para passar.

Foi a edição com mais subidas da história desta competição, com um acumulado de 15.000 metros de ganho vertical entre o prólogo e as restantes sete etapas.

Stage 7 Mens category results… #8DaysOfCourage#GrandFinaleFactoryRacing</a> <a href="https://twitter.com/centurionvaude">centurionvaudeBrentjensMTB</a> <a href="https://twitter.com/TeamBulls">TeamBullspic.twitter.com/JphRVeujVj

— Cape Epic (@CapeEpic) 20 de março de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

França "limpa" ouros no Mundial de BTT