Stones atuaram em Cuba

Stones atuaram em Cuba
De  Nelson Pereira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os Rolling Stones aturam na sexta-feira na capital cubana, num concerto muito esperado e que reuniu cerca de 500 mil pessoas na Ciudad Deportiva.

PUBLICIDADE

Os Rolling Stones aturam na sexta-feira na capital cubana, num concerto muito esperado e que reuniu cerca de 500 mil pessoas na Ciudad Deportiva.

A banda britânica atuou poucos dias depois da visita a Cuba do presidente americano Barack Obama. O concerto, gratuito patrocinado pelo empresário Gregory Elias, fundador do festival de jazz de Curaçao, mereceu um artigo no jornal Granma, orgão do partido comunista cubano (PCC).

Criticados por alguns músicos e dissidentes cubanos por aceitarem dar um concerto num país onde o regime atropela os direitos humanos, os Rolling Stones fizeram-se surdos, tal como em 2014, quando ignoraram as críticas e atuaram em Israel.

Dans Granma org. PC l'annonce du concert #stonescuba. Il ne sera pas retransmis en direct (on ne sait jamais) pic.twitter.com/vboBRdYTSb

— Xavier Frère (@xbrother) 25 mars 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Obama: O homem que fez história em Cuba

Dia de basebol em Cuba e para Obama falar da liberdade de expressão

Quase um Século depois, Obama em Havana