EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Líderes internacionais apelam ao reforço da luta antiterrorista após atentados de Istambul

Líderes internacionais apelam ao reforço da luta antiterrorista após atentados de Istambul
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O triplo atentado no aeroporto de Istambul foi condenado em uníssono pela comunidade internacional.

PUBLICIDADE

O triplo atentado no aeroporto de Istambul foi condenado em uníssono pela comunidade internacional.

Reunidos em Bruxelas para a primeira cimeira pós-‘Brexit’, os líderes europeus sublinharam a necessidade de reforçar a cooperação antiterrorista.

“Quero dizer a todo o povo turco que estamos todos unidos, com eles, para lutar contra o terrorismo”, declarou a Chanceler alemã Angela Merkel.

O presidente francês, François Hollande, afirmou, por seu lado:

“Precisamos de agir, é isso que estamos a fazer na Europa e em França e precisamos de coordenar os nossos serviços e levar a cabo todas as ações possíveis para lutar contra o terrorismo e o tráfico de pessoas”.

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, declarou:

“Quero comunicar as minhas mais profundas condolências às famílias e amigos das vítimas do atentado no aeroporto de Istambul. É em momentos como este que devemos estar unidos”.

Os atentados ocorrem num momento em que a Turquia prossegue as operações contra o grupo Estado Islâmico, na Síria, ao lado da coligação militar internacional.

Acusada de fechar os olhos aos jihadistas que cruzam as suas fronteiras, Ancara tinha ontem autorizado os aviões da NATO a aumentarem as missões de patrulhamento na região.

Vários líderes internacionais condenaram o ataque através das redes sociais:

A reação da Casa Branca e da responsável da diplomacia europeia:

"The United States condemns in the strongest possible terms today’s heinous terrorist attack" —@PressSec on Istanbul pic.twitter.com/lmjPOcyya9

— The White House (@WhiteHouse) June 28, 2016

Another tragic terrorist attack in #Turkey. The EU stands by the Turkish people. Our heart is with them all

— Federica Mogherini (@FedericaMog) June 28, 2016

O Secretário-Geral da ONU e o Secretário-Geral da NATO:

#UNSG Ban Ki-moon condemns terrorist attack at #Istanbul airport. https://t.co/fHjlFVdUi2

— UN Spokesperson (@UN_Spokesperson) June 28, 2016

I condemn the attacks at #Istanbul's Ataturk Airport. My thoughts are w/ the families of the victims, the injured and the people of Turkey.

— Jens Stoltenberg (@jensstoltenberg) June 28, 2016

Os ministros dos Negócios Estrangeiros da Alemanha, França, Grécia e Holanda:

FM #Steinmeier: I am shocked by the news that reach us from #Istanbul. Our thoughts go out the people of #Turkey. #Germany stands by them.

— GermanForeignOffice (@GermanyDiplo) June 28, 2016

Consternation suite à l'attentat à l'aéroport international Atatürk. Consulat à Istanbul et ambassade à Ankara mobilisés.

— Jean-Marc Ayrault (@jeanmarcayrault) June 28, 2016

Disgusted and appalled by the new terrorist attack in #Istanbul. We stand by our neighbours, our friends, against terror.

— Υπουργείο Εξωτερικών (@GreeceMFA) June 28, 2016

Minister #Koenders offered his condolences to Turkish colleague @MevlutCavusoglu after horrific attack at airport #Istanbul

— MFA The Netherlands (@DutchMFA) June 28, 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

França aperta medidas de segurança antes da cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos

Ucraniano pró-russo detido em hospital francês por suspeita de planear um atentado

Polícia francesa mata homem que tentava incendiar sinagoga em Rouen