Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

EUA: Cidadão dos Emirados Árabes Unidos preso por engano

EUA: Cidadão dos Emirados Árabes Unidos preso por engano
Tamanho do texto Aa Aa

Os Emirados Árabes Unidos aconselham os seus cidadãos a evitar o uso do traje nacional no exterior do país depois de um homem ter sido “violentamente detido” no estado de Ohio, nos Estados Unidos, e tomado por um membro do grupo um Estado Islâmico.

A interpelação de Ahmed al-Menhali à porta do hotel em que se encontrava foi gravada. O vídeo do incidente foi postado no YouTube.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros dos Emirados expressou o “descontentamento” à embaixada dos EUA e exigiu esclarecimentos sobre a detenção Menhali. O homem que vestia uma túnica branca e turbante árabe desfaleceu perturbado com a intervenção súbita da políca, acabou por ser conduzido ao hospital.

O chefe da polícia pediu pessoalmente desculpas ao visado e à família pelo mal entendido: “Ninguém do departamento de polícia quis desrespeitá-lo. Não era essa a intenção dos nossos agentes. É um lamentável acidente o que ocorreu. O senhor não deveria ter sido sujeito a essa situação”.

O equívoco foi criado por um funcionário do hotel que escutava a conversa telefónica em língua árabe de Menhali e pensou tratar-se de um suspeito que prometia lealdade ao ISIL pelo que alertou a polícia.