EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Brasil: Dilma Roussef vai a julgamento

Brasil: Dilma Roussef vai a julgamento
Direitos de autor 
De  Patricia Cardoso com AFP, REUTERS
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Dilma Roussef, a presidente brasileira com mandato suspenso, vai a julgamento.

PUBLICIDADE

Dilma Roussef, a presidente brasileira com mandato suspenso, vai a julgamento. É a reta final do processo de destituição.

Durante a madrugada, 59 senadores votaram a favor e 21 contra o relatório da comissão especial.

Sessão encerrada. Dilma é ré, e vai a julgamento, a última etapa do #impeachment

— Murilo Salviano (@murilosalviano) 10 de agosto de 2016

Dilma, reeleita em 2014, é acusada do crime de manipulação das contas públicas e da assinatura de decretos para autorizar despesas não previstas no orçamento.

Dilma Roussef foi afastada do cargo a 12 de maio e substituída, de forma interina, pelo então vice-presidente Michel Temer, que é fortemente contestado no país.

#impeachment: Dia de votação no senado é marcado por atos em todo o #Brasil, contra o Gov. ilegítimo de MichelTemer</a> <a href="https://t.co/QOS509cPb5">https://t.co/QOS509cPb5</a></p>&mdash; Breno Ribeiro (ribeirobrenoo) 10 de agosto de 2016

Os apoiantes de Dilma reiteram as acusações de golpe de Estado. No discurso na sessão, o senador Jorge Viana, do Partido dos Trabalhadores, afirmou: “Não haverá julgamento, a sentença já está escrita”.

O veredicto final do processo de destituição é esperado no final do mês de agosto e necessita dos votos de dois terços (54) dos 81 senadores.

Veja aqui fases do processo.

Se for condenada, Dilma será afastada definitivamente da presidência e chegarão ao fim 13 anos de poder do Partido dos Trabalhadores.

Michel Temer, 75 anos, será então confirmado no cargo até ao final do mandato em 2018.

Antes da votação do senador, o presidente interino pediu celeridade em todo o processo, por forma a avançar com a redução das despesas públicas e a reforma do sistema de pensões.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Brasil: Comissão recomenda ao Senado o julgamento do impeachment de Dilma Roussef

Brasil sai às ruas em protestos contra a corrupção na classe política

Dezenas de milhares de brasileiros saíram à rua para mostrar apoio a Bolsonaro em São Paulo