Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Neymar arrisca julgamento mas não está só

Neymar arrisca julgamento mas não está só
Tamanho do texto Aa Aa

Não há fim à vista na novela que foi a transferência de Neymar do Santos para o Barcelona. No mais recente capítulo, a justiça espanhola recomendou o julgamento por corrupção do jogador, dos seus pais, do presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, do seu antecessor no cargo, Sandro Rosell, e dos dois clubes envolvidos no negócio.

Em causa está um contrato assinado em 2011, dois anos antes da transferência, e que rendeu ao brasileiro 40 milhões de euros pela futura transferência para o clube espanhol. Ora o contrato em questão impediu que o jogador entrasse no mercado de acordo com as regras de livre concorrência, pelo que na prática todos os envolvidos se arriscam a ser condenados por corrupção entre particulares.

A justiça espanhola tem agora dez dias para avançar com uma acusação formal, o Barcelona já anunciou a intenção de recorrer da decisão.