EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Lewis Hamilton vence no Abu Dhabi mas quem faz a festa é Nico Rosberg

Lewis Hamilton vence no Abu Dhabi mas quem faz a festa é Nico Rosberg
Direitos de autor 
De  Bruno Sousa
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Nico Rosberg sagra-se campeão do mundo com segundo lugar na derradeira corrida da temporada no Abu Dhabi

PUBLICIDADE

Foi preciso esperar pela última corrida da temporada para conhecer o campeão do mundo de Fórmula 1 mas isso não quer dizer que tenha sido uma corrida emocionante. Tal como se esperava, Lewis Hamilton venceu o Grande Prémio de Abu Dhabi, Nico Rosberg terminou em segundo e assegurou o seu primeiro título mundial.

O alemão até terminou 2016 com menos vitórias que o inglês, nove contra dez, mas a sua regularidade fez a diferença. No circuito de Yas Marina, Hamilton fez o que lhe competia e dominou a corrida do início ao fim. Ainda tentou impor um ritmo lento para baralhar as contas ao companheiro de equipa mas nada a fazer.

Rosberg sabia bem que um lugar no pódio era suficiente e nunca correu riscos desnecessários, nem perante a pressão de Sebastian Vettel e Max Verstappen. Cortou a linha da meta na segunda posição e depois de onze anos no Grande Circo e 206 Grandes Prémios disputados, conquistou aos 31 anos de idade o troféu mais desejado no desporto automóvel.

And then there were 33… nico_rosberg</a> is the 33rd <a href="https://twitter.com/hashtag/F1?src=hash">#F1</a> world champion and only the 3rd German to win the crown <a href="https://t.co/f2Rlj6CPvK">pic.twitter.com/f2Rlj6CPvK</a></p>&mdash; Formula 1 (F1) 27 de novembro de 2016

Tal pai, tal filho

Trinta e quatro anos depois de Keke Rosberg se ter sagrado campeão do mundo, Nico seguiu finalmente os passos do seu pai. A família Rosberg é a segunda que se pode gabar de ter dois campeões diferentes, juntando-se a Graham e Damon Hill.

Tudo começou a 12 de março de 2006, quando Nico Rosberg se estreou no mundo da Fórmula 1, ao volante de um Williams. Terminou o Grande Prémio do Bahrein na sétima posição e logo mostrou que era mais que o simples filho de um campeão.

A transferência para a Mercedes em 2010, foi o ponto de viragem na carreira. Se até então só tinha subido por duas vezes ao pódio, desde a chegada à equipa alemã soma já 23 vitórias no seu palmarés e desde este domingo, um título de campeão do mundo. Para já, igualou o pai mas o mais novo dos Rosberg tem o tempo do seu lado.

Danke Mama und Papa ❤️❤️ pic.twitter.com/2h9qZLbjve

— Nico Rosberg (@nico_rosberg) 27 de novembro de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Nico Rosberg apresenta equipa na Extreme E

Lewis Hamilton deixa Mercedes para se juntar à Ferrari em 2025

Verstappen vence Grande Prémio de São Paulo