Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Cortejo com cinzas de Fidel Castro chega a Camagüey

Cortejo com cinzas de Fidel Castro chega a Camagüey
Tamanho do texto Aa Aa

Embalado por manifestações infindáveis de pesar, o cortejo fúnebre onde viajam as cinzas de Fidel Castro chegou à cidade de Camagüey, a cerca de 600 quilómetros de Havana.

Trata-se da segunda paragem do périplo rumo ao destino final, a cidade de Santiago, berço da Revolução de 1959.

Milhares de pessoas juntaram-se nas bermas das estradas para prestar uma última homenagem.

“A nossa geração nasceu a venerar o comandante. Fidel Castro foi o nosso ídolo. O líder de toda a vida. Somos quem somos graças a ele. Devemos-lhe praticamente toda a vida. Todos os cubanos têm um pouco do comandante. Todos os Cubanos são Fidel”, diz Daysi López, uma apoiante de Castro.

Dariagna del Risco, uma estudante de 18 anos, acrescenta: “Ele está connosco. Acompanhou-nos e apoiou-nos nos momentos mais difíceis. Penso que não vamos voltar a ter uma pessoa como ele.”

O cortejo, de mais de quatro mil quilómetros, termina este sábado. A cidade de Santiago, onde se iniciaram os combates contra a ditadura de Fulgêncio Batista, nas montanhas da Sierra Mestra, é o destino final.