Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Roma: Papa aponta o caminho à Europa

Roma: Papa aponta o caminho à Europa
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Recordar os pais fundadores da União Europeia para encontrar o caminho do futuro – a mensagem do Papa Francisco que ecoou na sala Régia do Palácio Apostólico num encontro inédito com os 27 chefes de Estado e de Governo da União Europeia.

Na véspera do 60º aniversário do Tratado de Roma, o Sumo Pontífice procurou guiar os líderes de uma Europa que, segundo o Papa, se “desnorteou e vive a década das crises”.

“A Europa descobre uma nova esperança quando o homem está centro e no coração das suas instituições. Estou convencido que isso confere uma preparação imbuída de confiança para escutar as pessoas que constituem a União.
Infelizmente, existe com frequência um sentimento de separação entre a cidadania e as Instituições Europeias”, proferiu Francisco.

Antes do Papa usar a palavra, coube ao primeiro-ministro italiano, Paolo Gentiloni, e ao Presidente do Parlamento Europeu, António Tanjani, discursarem.

“Podemos derrotar o terrorismo e o problema da imigração e acabar com a crise económica crónica e com o castigo do desemprego jovem, apenas se formos capazes de redescobrir e apreciar as razões que nos juntaram”, afirmou Tanjani.

Um encontro inédito num momento difícil da construção europeia.

No 60º aniversário do Tratado que oficializou a criação da Comunidade Económica Europeia, a União prepara-se para, pela primeira vez, perder um Estado-membro: o Reino Unido.