Última hora
This content is not available in your region

Ciclone Debbie deixa dezenas de milhares de australianos isolados

Ciclone Debbie deixa dezenas de milhares de australianos isolados
Tamanho do texto Aa Aa

O poderoso ciclone Debbie que varreu a costa leste da Austrália, e que destruiu pontes e cortou estradas, deixou dezenas de milhares de australianos isolados. Pelo menos duas pessoas morreram.

Mais de 100 mil casas ficaram sem eletricidade depois da passagem daquele que é o considerado o pior ciclone, a atingir o país, desde 2011.

O instituto de meteorologia local diz as águas de seis rios atingiram níveis elevadíssimos, e continuam a subir em várias áreas, provocando enchentes.

A prioridade é ajudar as pessoas:

“Nas últimas 24 horas centrámos os nossos esforços no resgate em locais onde houve inundação, certificando-nos de que as pessoas estão seguras. Agora, estamos a centrar-nos naquelas que estão isoladas e a certificar-nos de que têm comida suficiente. Esperamos que segunda-feira a situação já esteja em fase de recuperação”, adianta o Comissário dos serviços emergência de Gales do Sul Mark Smethurst,

O Debbie atingiu o estado de Queensland na terça-feira, destruindo empreendimentos turísticos e fechando as minas de carvão.

O pior já passou, dizem as autoridades, mas estão ainda a ser efetuadas operações de resgate e as de limpeza e restabelecimento dos serviços básicos já começaram.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.