Regime e rebeldes sírios retomam evacuação de zonas sitiadas após ataque em Alepo

Regime e rebeldes sírios retomam evacuação de zonas sitiadas após ataque em Alepo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Regime e rebeldes sírios retomaram a evacuação de quatro cidades sitiadas do país, após o ataque que vitimou mais de 100 pessoas nos arredores de Alepo.

PUBLICIDADE

Regime e rebeldes sírios retomaram a evacuação de quatro cidades sitiadas do país, após o ataque que vitimou mais de 100 pessoas nos arredores de Alepo.

Uma explosão atribuída a um possível atentado bombista atingiu vários autocarros provenientes de duas cidades xiita pró-regime, no momento em que acediam a uma zona controlada pelo exército.

SCD teams were able to recover 100+ dead bodies & attended to 55 injured after a car bomb targeted the displaced exchange point in Rashdien pic.twitter.com/t3dynqSnwB

— The White Helmets (@SyriaCivilDef) April 15, 2017

Entre as vítimas encontram-se vários milicianos de grupos islamitas locais que escoltavam a caravana de veículos.

O ataque abala o acordo, selado em março, pelo Irão (aliado do regime sírio) e pelo Qatar (que apoia a rebelião), para a evacuação de quatro cidades sitiadas por regime e rebeldes há mais de dois anos.

Desde sexta-feira que mais de sete mil pessoas foram retiradas de Madaya e Zabadani, duas localidades rebeldes, e de Foua e Kafraya, duas localidades pró-regime, à luz do acordo, denunciado como uma “deslocação forçada” pela oposição síria.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Israel lança ataque contra Damasco e faz dois mortos

Mais ataques israelitas na Síria enquanto aumenta preocupação pelos refugiados em Rafah

Alegado ataque aéreo israelita a Damasco mata comandante iraniano