Eleições regionais: O fracasso do "efeito Schulz"

Eleições regionais: O fracasso do "efeito Schulz"
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Nas eleições regionais, os conservadores da chanceler Angela Merkel ganharam uma batalha decisiva no domingo sobre os seus rivais social democratas no norte da Alemanha, aumentando as perspectivas de

PUBLICIDADE

Nas eleições regionais, os conservadores da chanceler Angela Merkel ganharam uma batalha decisiva no domingo sobre os seus rivais social democratas no norte da Alemanha, aumentando as perspectivas de conquistar uma maior vitória na eleição nacional em setembro.

Os democratas-cristãos conseguiram 33 por cento dos votos em Schleswig-Holstein. O SPD ganhou 26.2 por cento.

O candidato principal da CDU Daniel Guenther, disse aos repórteres que esperava que a CDU fizesse o mesmo nas eleições estaduais na Renânia do Norte-Vestfália no próximo domingo 14 de maio.

Candidato social-democrata para as eleições alemãs, em setembro, Martin Schulz, assumiu a derrota mas garantiu que o seu partido “vai continuar a lutar.”

Enquanto os meios de comunicação alemães principais destacam o fracasso do chamado “efeito Schulz” nas duas eleições regionais realizadas este ano no país contra a União Democrata Cristã (CDU) de Angela Merkel, Schulz apareceu a reconhecer que os social-democratas eles não tinham conseguido os resultados esperados.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Governo alemão aperta o cerco à extrema-direita

A viragem da política de imigração da Alemanha: necessidade ou jogo político?

Milhares em Berlim contra fim dos subsídios ao gasóleo agrícola