EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Cimeira do G7 num clima de divisão

Cimeira do G7 num clima de divisão
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
PUBLICIDADE

A Sicília acolhe, desde esta manhã, uma cimeira do G7 com novas caras e a mesma questão sobre um fórum das maiores potências económicas mundiais sem a China e a Rússia à mesa das negociações.

A reunião, em Taormina, vai discutir temas como a luta antiterrorista ou a crise dos refugiados, mas também a questão do futuro do acordo sobre o clima de Paris ou dos acordos económicos internacionais, dois pontos abalados pelas promessas eleitorais de Donald Trump.

O encontro faz convergir igualmente outras divisões, como sobre as negociações do “Brexit” ou a questão da manutenção das sanções à Rússia, defendida hoje pelos representantes da União Europeia.

O presidente do Conselho Europeu Donald Tusk, fala de uma das cimeiras, “mais difíceis dos últimos anos”.

No exterior, numa cidade em estado de sítio após atentado de Manchester, mais de 7 mil soldados e polícias garantem a segurança do evento.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Borrell adverte para guerra regional no Médio Oriente

G7 vai explorar formas de utilizar os ativos russos congelados para ajudar Kiev

Biden apela à libertação de jornalistas no jantar dos correspondentes de imprensa