EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Incêndio da Torre Grenfell provoca protestos e demissão

Incêndio da Torre Grenfell provoca protestos e demissão
Direitos de autor 
De  Luis Guita
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Centenas de manifestantes exigindo justiça para as vítimas do incêndio na Grenfell Tower, marcharam, quarta-feira, desde o oeste de Londres até ao parlamento britânico. O responsável executivo da autarquia londrina de Kensington e Chelsea, Nicholas Holgate, anunciou a sua demissão.

PUBLICIDADE

Centenas de manifestantes exigindo justiça para as vítimas do incêndio na Grenfell Tower marcharam, quarta-feira, desde o oeste de Londres até ao parlamento britânico.

O protesto, organizado pelo Movimento Justiça por Qualquer Meio Necessário, visava “derrubar o governo” pela resposta ao incêndio.

O responsável executivo da autarquia londrina de Kensington e Chelsea, Nicholas Holgate, anunciou a sua demissão. Holgate disse que se demitiu a pedido do secretário Para o Poder Local, Sajid Javid, mas o Governo negou a informação.

A demissão de Holgate aconteceu poucas horas após a primeira-ministra britânica, Theresa May, criticar o apoio inicial que foi prestado às vítimas.

O primeiro funeral de uma das vítimas do desastre da Grenfell Tower, o refugiado sírio Mohammad Alhajali, de 23 anos, que estudava engenharia civil na universidade de West London, realizou-se quarta-feira. A cerimónia foi realizada na presença de parentes que viajaram desde a Síria e do presidente da Câmara de Londres, Sadiq Khan.

O Governo britânico informou que os afetados pelo incêndio de Londres, em que se incluem dez portugueses, vão ser realojados num bloco de apartamentos de luxo perto do local do sinistro.

O incêndio da Torre Grenfell fez, pelo menos, 79 mortos e 78 feridos, 10 dos quais em estado crítico. Entre 400 e 600 pessoas viviam na Torre Grenfell, de 24 andares e 120 apartamentos, que foi totalmente consumida pelo fogo na madrugada da passada quarta-feira.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Incêndio no centro de Londres mobiliza mais de 100 bombeiros

Ambientalistas pintam sede da TotalEnergies em Londres

Pelo menos 15 feridos em explosão numa loja na Roménia