EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Moscovo exige o retorno das propriedades diplomáticas russas nos Estados Unidos

Moscovo exige o retorno das propriedades diplomáticas russas nos Estados Unidos
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied
PUBLICIDADE

Moscovo exige, sem condições, o retorno das propriedades diplomáticas russas nos Estados Unidos – no Maryland e em Nova Iorque.
O ministro russo dos Negócios Estrangeiros, Sergei Lavrov, mostrou-se indignado com a atuação das autoridades americanas:
“É um roubo descarado. Agem como bandidos numa estrada. O que é isto – ficar com propriedades que nos pertencem com base num acordo bilateral intergovernamental? E para ficarem com elas, agem sob o princípio de “o que é meu, é meu; o que é vosso, é nosso”. As pessoas decentes não se comportam desta maneira”, afirmou.

As propriedades diplomáticas russas foram confiscadas em dezembro de 2016, quando a administração de Barack Obama expulsou 35 diplomatas russos e as famílias, na sequência da suspeita de envolvimento da Rússia na campanha eleitoral americana.

O assunto está a ser discutido entre o vice-ministro do russo dos Negócios Estrangeiros, Sergueï Riabkov e o número três do departamento de Estado norte-americano, Thomas Shannon.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Biden apoia o filho após condenação, mesmo sem indulto. "Estamos orgulhosos do homem que ele é hoje"

Biden chama nações "xenófobas" à Índia e Japão

EUA: estudantes universitários são presos por protestos pró-palestinos