EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Guterres defende ONU em visita a Israel

Guterres defende ONU em visita a Israel
Direitos de autor 
De  Rodrigo Barbosa com AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Em Jerusalém, secretário-geral da ONU defendeu-se de acusações de "parcialidade" a favor dos palestinianos.

PUBLICIDADE

Na primeira visita a Israel como secretário-geral da ONU, António Guterres defendeu a Organização das Nações Unidas das acusações de Telavive, nomeadamente contra a UNESCO e o Conselho dos Direitos do Homem, por tomadas de posição a favor dos palestinianos.

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, afirmou que “não há dúvidas que tem havido uma relação complicada com a ONU. Penso que tem uma obsessão absurda com Israel, com táticas flagrante mente discriminatórias. Não é preciso ser primeiro-ministro de Israel para perceber isso”.

Guterres respondeu que “Estados-membros são Estados soberanos, que definem as suas posições com base nos seus interesses, valores e convicções. Como secretário-geral da ONU ac redito que é o meu dever ser, simultaneamente, um mediador honesto e um mensageiro para a paz”.

Guterres defendeu o “sonho” de ver um dia um Estado palestiniano viver em paz com o Estado hebraico. Uma solução que parece particularmente comprometida, com Donald Trump na Casa Branca.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Netanyahu disse a Blinken que não vai aceitar o fim da guerra em Gaza

Israel tenta impedir Tribunal Penal Internacional de emitir mandado em nome de Benjamin Netanyahu

Israel avisa Hamas que tem uma última oportunidade para negociar antes da invasão terrestre a Rafah