Rússia empenhada na integridade territorial do Iraque

Rússia empenhada na integridade territorial do Iraque
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O chefe da diplomacia russa, Sergei Lavrov, confirmou a intenção de Moscovo ao homólogo iraquiano, Ibrahim Al-Jaafari, de visita à Rússia

PUBLICIDADE

A Rússia está empenhada em manter a integridade territorial do Iraque a apela ao diálogo entre o governo central e os curdos do norte do país, que votaram pela independência num referendo em finais de setembro.

O chefe da diplomacia russa, Sergei Lavrov, confirmou a intenção de Moscovo ao homólogo iraquiano, Ibrahim Al-Jaafari, de visita à Rússia. “Gostaria de confirmar mais uma vez o nosso empenho e respeito pela soberania e integralidade territorial do Iraque, o nosso empenho sobre o principio de resolver todos os problemas através de um diálogo nacional inclusivo com a participação e consideração pelos interesses de todos os grupos étnicos, religiosos e políticos”, declarou antes da reunião.

Ibrahim Al-Jaafari disse que o Iraque deposita confiança na Rússia. “Sobre o referendo curdo, gostaria de dizer que a Rússia tem uma posição extremamente amigável nesta questão… Porque a Rússia é respeitada no mundo inteiro incluindo pelos nossos irmãos, os curdos, que nós consideramos parte integral da nossa nação”, declarou.

Iraqi FM didn’t get what he wanted to achieve in Moscow today. Sergey Lavrov stated that Russian consulate in Erbil will continue & Russian companies will expand their work in Kurdistan. pic.twitter.com/oc6VlvqQyx

— Hemin Hawrami (@heminhawrami) October 23, 2017

O referendo na região autónoma curda do Iraque pela independência suscita preocupações por parte, não só de Bagdade, mas também de países como a Turquia e o Irão.

Na sexta-feira, as forças iraquianas tomaram controlo do último distrito da região petrolífera de Kirkuk que ainda estava nas mãos dos combatentes peshmerga, depois de uma batalha de mais de três horas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia aborta lançamento do foguetão Angara-A5 a minutos da descolagem

Rússia e Cazaquistão vivem "piores cheias em décadas"

Centenas de russos protestam contra “inércia” das autoridades após inundações