Marchas de supremacistas brancos no estado do Tennessee

Marchas de supremacistas brancos no estado do Tennessee
De  Pedro Sacadura com REUTERS
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As marchas foram descritas como uma manifestação de apoio ao movimento "White Lives Matter", a alternativa ao "Black Lives Matter".

PUBLICIDADE

A presença da polícia antimotim foi essencial para evitar episódios de violência – como os que se verificaram em Charlottesville – durante uma marcha de supremacistas brancos no estado norte-americano do Tennessee.

Sob o lema “As vidas brancas importam”, este sábado membros de grupos extremistas desfilaram pela cidade de Murfreesboro em protesto contra a reinstalação de refugiados na região.

Com mensagens de inclusão e tolerância, os contra-manifestantes – cerca de 600 – excederam o número de radicais mas as autoridades conseguiram manter os movimentos separados.

Horas antes do protesto em Murfreesboro registou-se uma outra manifestação perto da cidade de Shelbyville. Tudo correu aparentemente bem mas um contra-manifestante acabou por ser detido.

On drive from #Shelbyville to second white supremacist rally in #Murfreesboro, counter-protesters lining the street pic.twitter.com/9sMtzGBrvU

— Christopher Mathias (@letsgomathias) October 28, 2017

Members of Murfreesboro Loves & local Muslim youth group deliver breakfast & other goodies to local law enforcement working today’s rally pic.twitter.com/Gq52B8u1a9

— Julieta Martinelli (@ItsJMartinelli) October 28, 2017

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alemanha: Onda de refugiados aviva ódio neonazi

Flor-cadáver desabrochou em São Francisco

Líder republicano Mitch McConnell deixa Senado ao fim de 40 anos