EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Demissão de Mugabe multiplica festejos no Zimbabué

Demissão de Mugabe multiplica festejos no Zimbabué
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Chegou ao fim a era Mugabe: presidente de 93 anos apresenta demissão e os festejos no Zimbabué não se fizeram esperar.

PUBLICIDADE

Cantam porque é o fim de uma era. Mal se anunciou que Robert Mugabe se demitia da presidência do Zimbabué, os festejos irromperam por todo o país.

A resposta é muito rápida quando se pergunta: e agora? “Agora temos um futuro brilhante pela frente. Temos tudo o que é preciso para sermos o melhor país do mundo. Temos minerais, terras, competências, pessoas qualificadas e um povo muito trabalhador”, dizia-nos uma mulher em Harare.

Foram 37 anos no poder e vários dias a resistir para não o deixar, após a intervenção militar que acabou por ditar o seu afastamento.

Para a história fica o momento em que o presidente da câmara baixa do parlamento zimbabueano leu a carta de demissão do presidente de 93 anos.

O homem visto durante décadas como um dos símbolos do despotismo africano terá acabado por sucumbir às manobras políticas da mulher, Grace Mugabe, que pretendia suceder-lhe no poder. O afastamento do vice-presidente Emmerson Dambudzo Mnangagwa há algumas semanas transformou-se na gota que faz transbordar agora de alegria os zimbabueanos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Primeiro-ministro da Escócia demite-se

Análise: “Por detrás da decisão de Sánchez está uma estratégia de preparação para as eleições”

Chefe dos serviços secretos militares israelitas demite-se por não ter evitado ataque do Hamas