Última hora
This content is not available in your region

Trump ameaça Bannon com ação judicial por difamação

Trump ameaça Bannon com ação judicial por difamação
Tamanho do texto Aa Aa

Um advogado do Presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçou, esta quinta-feira, Steve Bannon com uma ação judicial por o ex-conselheiro da Casa Branca ter feito, “declarações disparatadas” e “totalmente difamatórias” num livro.

O advogado Charles Harder disse ter enviado uma carta a Bannon onde o acusa de ter “violado os acordos de confidencialidade” ao falar com o jornalista Michael Wolff para o livro “Fire and Fury: Inside the Trump White House” (“Fogo e Fúria: Dentro da Casa Branca de Trump”), exigindo ainda ao ex-conselheiro que “pare e desista” de revelar mais informações confidenciais.

Quando Bannon foi demitido, "ele não perdeu só o emprego, ele perdeu a cabeça", afirmou Donald Trump, em comunicado, quarta-feira.

No livro, Banon faz revelações explosivas: que Trump nunca acreditou que iria ser eleito, que acreditava que a sua nomeação faria crescer os seus negócios e descreve a reunião entre filho mais velho do Presidente, o genro Jared Kushner, o presidente de campanha Paul Manafort e “um grupo de advogados russos”, como “um ato de traição” e “antipatriótica”.

(com Lusa)