Última hora

Última hora

Ondas gigantes estão de volta à Nazaré

Em leitura:

Ondas gigantes estão de volta à Nazaré

Ondas gigantes estão de volta à Nazaré
Tamanho do texto Aa Aa

As ondas gigantes estão de regresso à Praia do Norte, na Nazaré. O alerta laranja desta semana para a costa portuguesa foi como um prenúncio da agitação e o Canhão da Nazaré - como é conhecida a área responsável pela produção destas vagas - não desiludiu as expectativas.

Já se fala mesmo na maior onda de sempre, estimada em 35 metros de altura, e que foi surfada pelo surfista português Hugo Vau nesta quarta-feira.

"Esta sim, foi diferente de todas as outras ondas e tinha um tamanho acima da média da Praia do Norte. Estávamos à espera há sete anos de uma onda destas e esta rebentou de uma forma muito poderosa, muito agressiva e muitos dos presentes disseram que nunca tinham visto nenhuma deste tamanho”, explicou Hugo Vau, em declarações à Lusa.

Perante a possibilidade de esta ter sido a maior onda já surfada no local, o surfista escusou-se a quantificar, remetendo esta avaliação para as entidades especializadas: “Naturalmente esta onda está entre as candidatas aos prémios XXL [para ondas gigantes], que tem um comité de avaliação”.

A fama destas ondas já atravessou fronteiras e são cada vez mais os estrangeiros a procurar a Nazaré. Com ondas a atingirem dezenas de metros, a segurança dos surfistas é uma preocupação constante. Apesar do perigo, ainda não se registaram problemas neste regresso das ondas à Nazaré.

O registo oficial da maior onda surfada é de 23 metros de altura. Foi na Nazaré pelo surfista Garret McNamara, em 2011.