FBI enfrenta administração Trump

reuters
reuters
De  Ana Serapicos
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Instituição Federal diz estar "extremamente preocupada" com a possibilidade da Casa Branca não vir a divulgar relatório sobre a interferência russa nas eleições presidenciais

PUBLICIDADE

O Comité de Inteligência da Câmara dos Deputados enviou um documento secreto para a Casa Branca.

O relatório, secreto, esconde informações sobre a interferência russa nas últimas eleições presidenciais; interferência que ambos os paises negaram.

O FBI enfrentou Donald Trump e diz estar "extremamente preocupado" com a possibilidade do governo não vir a divulgar tal relatório. 

A divulgação do documento secreto foi aprovada pelos republicanos no início da semana e agora está nas mãos do presidente norte-americano, que irá decidir se o relatório sai ou não a público.

Este documento tem mexido águas que pareciam paradas entre o FBI e a administração Trump.

Os republicanos que tiveram acesso ao relatório dizem que o FBI confiou na oposição democrata. Do outro lado, os democratas condenam este ataque à instituição federal, considerando que os republicanos a "descredibilizam".

O FBI veio dizer que está preocupado que o facto do relatório não chegar a vir a público. "Temos grandes preocupações sobre a possibilidade de omissão deste material.", disse o FBI em comunicado.

A Casa Branca tem até cinco dias para responder se permite ou não a divulgação do documento.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

EUA: Procurador-geral Jeff Sessions recusa ser investigado sobre interferência russa nas Presidenciais

Trump paga 175 milhões de dólares para evitar apreensão de bens em caso de fraude

Trump diz que não tem dinheiro para pagar caução de 454 milhões de dólares ao tribunal