Filho mais velho de Fidel Castro comete suicídio aos 68 anos

Filho mais velho de Fidel Castro comete suicídio aos 68 anos
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Fidel Angel Castro Diaz-Ballart vivia há vários meses num estado de profunda depressão.

PUBLICIDADE

Fidel Ángel Castro Diaz-Balart, o filho mais velho do antigo presidente cubano Fidel Castro, morreu esta quinta-feira, em Havana.

'Fidelito', como era conhecido no país pelas semelhanças com o pai, terá cometido suícidio. Depois de um período sob uma depressão profunda, a morte chegou aos 68 anos para o cientista e filho primogénito do histórico líder cubano.

A notícia já foi oficializada pela televisão estatal de Cuba, que confirmou que 'Fidelito' já era acompanhado pelos médicos há vários meses.

Doutorado em ciências, o filho do antigo líder cubano ocupava atualmente os cargos de assessor científico do Conselho de Estado e de vice-presidente da Academia de Ciências de Cuba.

No passado tinha já exercido funções na Comissão de Assuntos Nucleares entre 1983 e 1992.

Filho do primeiro casamento de Fidel Castro, com Mirtha Diaz Ballart, 'Fidelito' desaparece assim pouco mais de um ano após a morte do pai, a 25 de novembro de 2016.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cuba: 60 anos de revolução

Morreu Posada Carriles, antigo agente da CIA e inimigo número um dos Castro

ONU vota contra embargo norte-americano a Cuba