Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Londres: "O Kremlin está a rasgar as regras internacionais"

Londres: "O Kremlin está a rasgar as regras internacionais"
Direitos de autor
REUTERS/Toby Melville
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Pela primeira vez em Salisbury. A primeira-ministra britânica visitou os locais onde o antigo espião duplo russo, Serguei Skripal, a filha e um agente da polícia foram envenenados com o que Londres diz ser um agente químico de fabrico russo.

"Como sabem eu anunciei no parlamento que estávamos a agir. Nós consideramos a Rússia responsável por este ato vergonhoso e desprezível que aconteceu nas ruas desta cidade incrível", explicou Theresa May durante a sua visita.

Theresa May não tem dúvidas de que Kremlin está de alguma forma envolvido. Aliás, a convicção insere-se num padrão de comportamento hostil por parte de Moscovo, afirma o ministro da Defesa Britânico. "O que é também óbvio é que o Kremlin está a rasgar o livre das regras internacionais e usa as suas capacidades hibridas para subverter, minar e influenciar países em todo o mundo. Entretanto, a Rússia usa também de uma forma traiçoeira os seus operativos para interferir nos processos políticos de outras nações", declarou Gavin Williamson.

Aguarda-se a reação dos russos.