Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Advogado de Donald Trump alvo de buscas do FBI

Advogado de Donald Trump alvo de buscas do FBI
Direitos de autor
REUTERS/Carlos Barria
Tamanho do texto Aa Aa

O FBI efetuou esta madrugada buscas ao escritório em Nova Iorque de Michael Cohen, o advogado do presidente dos Estados Unidos, por suspeitas de fraude.

Esta ação surgiu após despacho do procurador especial Robert Mueller, responsável pela investigação às alegadas ligações entre a campanha de Donald Trump e a interferência russa nas eleições presidenciais de 2016.

Segundo o jornal The New York Times, foram apreendidos registos de negócios, e-mails e vários documentos, inclusivamente relacionados com o pagamento à atriz de filmes pornográficos Stormy Daniels, que alega ter tido um caso com o líder da Casa Branca.

Michael Cohen admitiu já ter pagado 130 mil dolares em 2016 a Stormy Daniels, mas assegurou que o presidente dos EUA nada teve a ver com essa situação. Contudo, as autoridades acreditam que esse dinheiro serviu para comprar o silêncio de Stormy Daniels.

Trump já considerou estas buscas do FBI e a investigação liderada pelo procurador Robert Mueller uma "caça às bruxas" e uma "situação vergonhosa", deixando no ar a possibilidade de afastar o procurador.

As buscas ao escritório de Michael Cohen foram efetuadas pelo gabinete do procurador de Manhattan, de acordo com o advogado de Cohen, Stephen Ryan.

"A decisão da Procuradoria dos EUA em Nova Iorque de conduzir a investigação usando mandados de busca é completamente inapropriada e desnecessária", afirmou Stephen Ryan em comunicado.

O responsável referiu que as buscas resultaram na “apreensão desnecessária de comunicações protegidas entre um advogado e seus clientes", apesar de não especificar quais os documentos que foram levados pelos agentes.