Última hora

Última hora

Luanda confirma que recuperou 500 milhões de dólares

Em leitura:

Luanda confirma que recuperou 500 milhões de dólares

Luanda confirma que recuperou 500 milhões de dólares
@ Copyright :
REUTERS/Mike Hutchings/File Photo
Tamanho do texto Aa Aa

O Ministério das Finanças de Angola confirmou ter recuperado 500 milhões de dólares, pouco mais de 400 milhões de euros, transferidos para uma conta bancária em Londres.

O dinheiro foi entregue pelas autoridades britânicas, que se tinham comprometido a fazê-lo, ao Banco Nacional de Angola. A operação, alegadamente, ilícita envolve José Filomeno dos Santos, filho do ex-Presidente angolano, José Eduardo dos Santos.

"Desde já, por intermédio do Ministério das Finanças, o Executivo angolano agradece às autoridades britânicas e a todos aqueles que de alguma forma contribuíram para a recuperação destes recursos, que são de todos os angolanos, que neste momento difícil muita falta fazem à economia do país", lê-se no comunicado divulgado pelo referido ministério.

A transferência está a ser investigada pelas autoridades angolanas e britânicas. José Filomeno dos Santos, filho do ex-chefe de Estado, José Eduardo dos Santos, e o ex-governador do BNA foram já constituídos arguidos por Luanda.

"Entretanto, na actual fase, as autoridades angolanas mantêm-se empenhadas na recuperação da totalidade dos valores pagos, no âmbito da estruturação da referida operação financeira, nomeadamente, a recuperação de 24,85 milhões de Euros, indevidamente transferida para a conta da empresa Mais Financial Services, resultante de uma prestação de serviços não realizada", lê-se no documento publicado na página de internet do ministério das Finanças angolano.

O processo "continua a correr os seus trâmites na Procuradoria Geral da República que face à gravidade dos factos e no quadro das suas competências actuará em conformidade com a Lei", esclarece-se no comunicado.