Última hora

Última hora

Rajoy admite derrota antes de moção de censura

Em leitura:

Rajoy admite derrota antes de moção de censura

Rajoy admite derrota antes de moção de censura
Tamanho do texto Aa Aa

O chefe do governo espanhol, Mariano Rajoy, admitiu esta manhã a derrota numa breve alocução no Parlamento, em Madrid, antes da votação da moção de censura, prevista para as 11h (hora local).

Rajoy teve provavelmente ontem o último jantar como líder do executivo espanhol.

Enquanto no parlamento se discutia o futuro do país, o líder do governo estava em paradeiro desconhecido.

Mais tarde, foi confirmado: Rajoy, que durante a manhã assistiu ao debate parlamentar e saiu a meio, esteve durante 8 horas num restaurante em Madrid reunido com membros do executivo.

Em causa está a sua permanência no governo de Espanha, depois do Partido Nacionalista Basco ter declarado que iria apoiar uma moção de censura apresentada pelo PSOE.

Num momento em que a oposição assegura uma maioria para derrubar o governo de Rajoy, o socialista Pedro Sanchez é visto como o sucessor mais provável na liderança do país.