China avisa EUA que com tarifas não há acordo

China avisa EUA que com tarifas não há acordo
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Com tarifas não haverá acordo. Foi este o aviso que a China fez aos Estados Unidos, depois de mais uma ronda de conversações sobre o comércio, em Pequim. A potência asiática não gostou da ameaça norte-americana de impor tarifas de 25% sobre os seus produtos.

PUBLICIDADE

Num curto comunicado emitido após a reunião entre o secretário de Comércio dos EUA, Wilbur Ross, e o vice-primeiro-ministro chinês, Liu He, Pequim deixou bem claro que o consenso alcançado em Washington não será implementado se as tarifas forem impostas.

O secretário de Comércio norte-americano disse que no encontro foram discutidas as exportações americanas específicas que a China poderia comprar, mas não houve uma declaração conjunta, nem a divulgação de detalhes.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Encontro para o diálogo económico UE-China em Pequim

John Kerry pede à China medidas adicionais na luta pelo clima

Ataques israelitas a campos de refugiados em Gaza fazem vários mortos e feridos