This content is not available in your region

Jornada de protesto em Roma

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Jornada de protesto em Roma

Milhares de pessoas desfilaram este sábado pelas ruas de Roma em protesto. Exigiram reformas para garantir direitos à habitação, gestão do território, salários, condições de trabalho dignas e apoios sociais.

Os ativistas da União Sindical de Base (USB) fizeram-se representar de forma significativa na manifestação que ocorre no rescaldo do assassinato de um dos elementos da USB.

Soumayla Sacko, um imigrante legal de 29 anos do Mali, foi assassinado a 2 de junho a tiros em San Calogero, na região sul da Calábria.

Juntamente com dois outros imigrantes foi flagrado por um homem, entretanto detido, a recolher chapas de metal de um lugar abandonado para construir barracas.

O caso ocorreu em clima de plena ebulição em Itália por causa do tema da imigração.